Criação e Redesign 

            (Veja os logotipos criados para os nossos clientes)

  • Identidade visual - guia de uso da Marca (Branding Book)

  • Sites - institucionais e lojas virtuais

  • Hot sites

  • Blogs

  • Landing Pages

  • Redes Sociais

1/2
“A identidade é causa; 
marca é o efeito.”

Larry Ackerman

Várias coisas são necessárias para criar e manter uma pequena empresa em funcionamento lucrativo: capital, fluxo de clientes, uma abordagem de vendas inovadora, entre outros. No entanto, em um mercado cada vez mais competitivo, criar uma identidade visual é uma tarefa indispensável para impactar novos compradores e posicionar seu empreendimento no mercado. Descubra no post de hoje a importância da identidade visual e fique de olho nas minhas dicas práticas para desenvolvê-la de forma marcante em sua empresa!

Afinal, o que é uma identidade visual?

Sua empresa, assim como você e as pessoas à sua volta, precisa de uma identidade própria: algo que a defina e a torne única. No contexto empresarial, a identidade visual é o conjunto de símbolos e elementos, principalmente gráficos, que é concebido para representar os valores e ideais do empreendimento e apresentá-los ao cliente.

Fazem parte desse conjunto itens como a logo, a tipografia, as cores escolhidas e o modo como interagem, os materiais promocionais (cartões de visita, flyers e afins), além de muitos outros elementos presentes no ambiente da empresa.

Qual é a importância da identidade visual para meu empreendimento?

Criar uma identidade gráfica equilibrada, marcante e versátil é o primeiro passo para transmitir confiança e estabilidade ao cliente, além de facilitar a identificação da sua empresa nos mais variados locais. Pense no case da Coca-Cola: o rótulo vermelho com a clássica tipografia em branco é reconhecível à distância, em qualquer lugar do mundo, fixando a marca na memória visual dos clientes e ajudando a gerar bilhões de dólares por ano em vendas.

 

Como criar uma identidade visual de qualidade?

Tudo começa com o desenvolvimento de seu logotipo: pense nos valores que sua empresa possui, na missão e nos ideais que quer transmitir. Tente desenvolver uma imagem simples e de fácil reprodução em variados tamanhos, combinada com uma tipografia adequada, sem “firulas”. No mundo do design, menos é mais.

O próximo passo é a escolha da paleta de cores a ser aplicada em toda a comunicação visual. As cores têm uma importância vital em qualquer área, e cada uma desperta uma reação específica em quem as vê. É importante pesquisar bem os significados evocados por cada uma para saber qual usar, de acordo com fatores como seu público-alvo e área de atuação.

Um exemplo prático desta aplicação: empresas de construção civil dão preferência a cores sisudas e sólidas, como tons escuros de azul, preto e cinza. Já companhias alimentícias focam em tons energéticos, que atraem atenção e despertam o desejo de compra, como vermelho, amarelo e laranja.

Outros passos incluem padronizar os impressos promocionais da empresa e estabelecer um padrão diferenciado na decoração da loja física, por exemplo (busque inspirações observando projetos de fachadas comerciais). Se você tem uma loja virtual, refaça o layout: tudo tem de seguir o padrão definido, com vistas a transmitir a mensagem que sua empresa quer passar.

Neste post, você descobriu sobre a importância da identidade visual para as empresas e te dei dicas para criar sua própria de forma simples e impactante. Caso você tenha dúvidas ou se sinta inseguro para conduzir todo o processo de criação sozinho, considere buscar a ajuda de designers profissionais. Eles saberão criar uma identidade completa e coesa a partir de um rascunho ou mesmo das ideias trazidas pelo cliente, garantindo um lugar de destaque para seu empreendimento no imaginário do público!

1/2
"Na realidade trabalha-se com poucas cores. O que dá a ilusão do seu numero é serem postas no seu justo lugar."

Pablo Picasso

color-wheel.png

Significado das cores

As cores da sua marca dizem muito a seu respeito, consulte a tabela abaixo e veja o que as cores dizem sobre você para seu cliente e se não estiver satisfeito com o resultado, clique aqui, entre em contato conosco e nós resolvemos isso para você.
  • Amarelo: Estimula a mente e está relacionado com a lógica e a tomada de decisão. Por outro lado, a cor amarela se associa com diversão e brincadeiras e pode, em excesso, gerar ansiedade.

  • Azul: A cor da tradição, da honestidade e da lealdade. Ligada também à responsabilidade e ao conservadorismo. Acalma e traz tranquilidade. Na tonalidade escura é perfeita para empresas que precisam transmitir segurança e confiabilidade.

  • Branco: Transmite paz e pureza, ordem e serenidade. Difícil de se destacar, mas se bem trabalhada com outras cores pode ser bastante eloquente para públicos mais conservadores e reservados.

  • Cinza: A cor dos conservadores por excelência, transmite neutralidade e reserva. Empresas que trabalham com a justiça, finanças, auditorias e seguros podem se beneficiar desta cor.

  • Cor de Laranja: Muito otimista e positiva, é uma cor estimulante e tradicionalmente relacionada com empresas de alimentação e entretenimento.

  • Cor de Rosa: Feminina por questões culturais em alguns países,  transmite carinho e acalma. Muito usada com cosméticos, mercado de moda, salões de beleza, estética e doces. Meninas adolescentes são bombardeadas com muita cor rosa “pink” berrante!

  • Dourado: Riqueza e elegância! Passa a ideia de alta qualidade, luxo e exclusividade. É a cor dos vitoriosos e bem sucedidos.

  • Preto: Exclusividade, poder e seriedade. É ao mesmo tempo sofisticada e elegante, misteriosa e enigmática.

  • Roxo: A cor da criatividade, da imaginação e da espiritualidade. Tem relação com o futuro e com os sonhos. Era a cor dos imperadores romanos, por isso passa valores como poder, luxo e extravagância.

  • Verde: Crescimento, fartura, ecologia, equilíbrio e até riqueza. Ligada ao mundo da natureza e do meio ambiente, tem forte relação com o equilíbrio emocional e a harmonia.

  • Vermelho: Transmite atividade, agilidade, ação e paixão. Também é um sinal de alerta e de perigo. Pode despertar também sentimentos de envolvimento amoroso e sensualidade.